Quarta-feira
12 de Dezembro de 2018 - 
Experiência, comprometimento e Segurança.

Juiz do TJDFT fala à Rádio Justiça sobre a Semana Justiça pela Paz em Casa

O juiz Ben-Hur Viza, titular do Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher do Núcleo Bandeirante e coordenador do Núcleo Permanente Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Distrito Federal – NJM concedeu entrevista ao programa Justiça na Tarde, da Rádio Justiça, que foi ao ar nessa segunda-feira, 3/12. O magistrado fez um balanço das ações que foram promovidas pelo TJDFT durante a 12ª edição da Semana Nacional da Justiça pela Paz em Casa. Clique aqui e ouça a participação do magistrado na íntegra. Ao fazer um balanço qualitativo da Semana Nacional da Justiça pela Paz em Casa, o magistrado afirmou que o TJDFT buscou ir além do esforço concentrado no número de audiências realizadas. Ele ressaltou o esforço da campanha em proteger, prevenir e evitar novos episódios de violência doméstica, assim como a formação de grupos de homens envolvidos com violência doméstica para a desconstrução de preconceitos e estereótipos machistas. O magistrado afirmou que há casos em que a mulher vítima confirma a mudança de comportamento do agressor. O magistrado reforçou ainda que o TJDFT aderiu à campanha da organização das Nações Unidas – ONU #HeForShe e, já na abertura da Semana Nacional, na segunda-feira, 26/11, o TJDFT promoveu a palestra “Inteligência Relacional: caminhos para aprimorá-la”, no Fórum de Taguatinga. Ministrada pela Coordenadora do NJM, juíza Luciana Lopes, e pelo facilitador de Grupos Reflexivos de Homens, João Wesley Domingues, a ação buscou dar continuidade aos debates promovidos pelo Grupo, além de ampliar a discussão para outros interessados, do sexo masculino.  O juiz Ben-Hur Viza falou ainda dos benefícios para a sociedade das ações multidisciplinares que vêm sendo desenvolvida em parceria com persos órgãos públicos. Nós temos trabalhos com a Secretaria de Segurança Pública, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, para combater de todas as formas os conflitos a violência doméstica. Semana Nacional Justiça pela Paz em Casa O Justiça pela Paz em Casa é realizado desde 2015, e conta com três edições durante o ano. A primeira para celebrar o dia internacional da Mulher comemorado em março; A segunda em agosto, para marcar o mês de sanção da Lei Maria da Penha (11.340/2006); e Novembro, quando a ONU estabeleceu o dia 25 como Dia Internacional para Eliminação da Violência Contra a Mulher. 
04/12/2018 (00:00)
Visitas no site:  51770
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia